Por que sua rotina de exercícios físicos de repente para de ajudar na perda de peso

Quem começa a fazer academia e mantém uma rotina de exercícios perde quilos rapidamente – até que algo muda. A pessoa continua se exercitando tanto quanto antes, às vezes até mais, porém a perda de peso acaba. O que acontece?

>>> Como a gordura é armazenada no corpo, e como queimá-la
>>> A ciência para perder a gordura da barriga

Um novo estudo na revista Current Biology analisa este problema, que afeta alguns (embora não todos) dos que praticam exercícios físicos regularmente.

Herman Pontzer, professor da Hunter College in New York, diz em comunicado que a ideia de realizar o estudo veio quando ele trabalhava entre os hadza, um grupo de caçadores-coletores na Tanzânia, África:

Os hadza são incrivelmente ativos, caminham longas distâncias a cada dia e fazem muito trabalho físico duro como parte de sua vida cotidiana. Apesar desses níveis elevados de atividade, descobrimos que eles tinham um gasto energético diário semelhantes a de pessoas que vivem estilos de vida modernos e mais sedentários nos EUA e na Europa. Isso foi uma verdadeira surpresa, e me fez pensar sobre a relação entre atividade e gasto energético.

O estudo envolveu um grupo de 332 adultos – alguns mais sedentários, outros mais ativos – em cinco países diferentes, incluindo EUA, Jamaica e Gana.

De acordo com os autores do estudo, a mudança do sedentarismo para a atividade física é grande. Mas, depois disso, nossos corpos tendem a se adaptar ao aumento da atividade para manter os níveis de energia.

Por exemplo, quem começa a correr na esteira fortalece as pernas e os pulmões, e a rotina se torna cada vez menos desgastante para o corpo. Mesmo aumentando regularmente o nível de exercício, é pouco provável que isso queime tantas calorias para levar à perda de peso.

Por mais que a pessoa aumente os níveis do exercício, o salto na energia queimada nunca é o mesmo se comparado a quando ela começou a se exercitar. A perda de peso começa a zerar, para a frustração de muitos.

“Nós não podemos mexer demais na quantidade de calorias gastas; nossos corpos trabalham muito duro para manter isso estável”, disse Pontzer à CNN.

O exercício ajuda as pessoas a perder peso, mas até certo ponto, e as razões para continuar a fazê-lo vão muito mais longe. Isso traz ganhos mensuráveis ​​na melhoria da força, impede a perda de massa muscular ou massa óssea com a idade, e até mesmo melhora o humor.

“Há diversas evidências de que o exercício é importante para manter nossos corpos e mentes saudáveis, e nosso estudo não muda essa mensagem. Nosso trabalho acrescenta que também é preciso se concentrar na dieta, particularmente quando se trata de gerir o nosso peso e prevenir ou reverter ganho de peso”, diz Pontzer.

[Science Daily e CNN]

Foto por Richard Yuan/Flickr

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *